Mecânica Online®
revista multimídia centro de treinamento online cds interativos vídeosportal mecânica online®
seu veículo tecnovidade engenharia mercado seu veículo lançamentos especiais caixa de ferramentas

2010 | NOVEMBRO/DEZEMBRO | LANÇAMENTOS | CONHEÇA A REVISTA MULTIMÍDIA MECÂNICA ONLINE
 Linha verde Ícone do design, Camaro combina potência e tecnologia

General Motors do Brasil lança em nosso mercado a versão SS do Camaro que oferece motorização V8 que produz 406 cavalos de potência, sistema que projeta informações diretamente no para-brisa e atrativo preço de R$ 185 mil. Confira todos os detalhes!

Mecânica Online®
São Paulo (SP) Reportagem | Tarcisio Dias / Redação Mecânica Online®
Com assessoria de imprensa da General Motors do Brasil

              A General Motors do Brasil coloca toda sua esportividade nas ruas brasileiras com o lançamento do Camaro SS. Estrela da série Transformers e com motorização V8 de 406 cavalos de potência, o Camaro chama para si toda atenção por onde passa, fazendo valer o seu design robusto e característico de um superesportivo com estilo retrô da sua primeira geração produzida entre 1967 e 1969, sendo oferecido por um preço de R$ 185 mil e com itens de tecnologia que você vai pensar que a estrela de cinema veio completamente para sua garagem.

Com sua frente longa, duas portas, teto descendente, traseira curta e lanternas duplas, retratam a característica mais marcante do Camaro SS, seu design. As linhas do muscle car impressionam no primeiro olhar. A frente conta com a "agressividade" necessária por ter a grade e os faróis "escondidos" dentro da grande abertura frontal. Completam o visual os para-lamas salientes e altos, que continuam pela elevada linha de cintura do esportivo – uma característica típica dos muscle cars – culminando na traseira, com quatro lanternas retangulares e com o para-choque, que aloca as luzes de ré e os sensores de estacionamento, que são item de série no Camaro.

O esportivo da Chevrolet está disponível no Brasil em cinco diferentes cores: amarelo, branco, prata, preto e vermelho. "O Camaro, ao mesmo tempo que remete a um ícone, também mostra todo o design e a tecnologia da Chevrolet. Suas linhas transmitem a sensação de velocidade no olhar. São fluídas e transpiram esportividade", afirma Carlos Barba, diretor geral de design da General Motors América do Sul.

“É um ícone, um sonho sobre rodas. Um carro que desperta a paixão em qualquer um que o dirija ou simplesmente olhe para ele. Certamente será outro modelo de sucesso na história da Chevrolet no Brasil”, salienta Jaime Ardila, presidente da GM América do Sul.

Mecânica Online®
Chevrolet Camaro SS
Mecânica Online®

A história de um ícone

                 A primeira geração do Camaro foi apresentada em 1966, já como modelo 1967 e começou a ser vendida nos Estados Unidos em 29 de setembro do mesmo ano. Ele tinha oito diferentes opções de motor. Duas delas, seis cilindros em linha e as outras seis todas V8, partiam de 3.8 litros e chegavam até 7.0 litros. Ele era comercializado em três diferentes versões, a RS, a SS e a Z28, mais esportiva ainda. Em seu primeiro ano de vida, o Camaro vendeu 100.255 carros. A primeira geração do Camaro foi vendida até 1969, totalizando quase 270.000 esportivos vendidos em apenas três anos de venda. Um verdadeiro sucesso.

A segunda geração chegou em fevereiro de 1970 e foi produzida até o ano de 1981. Ela chegava com um novo visual, ainda mais marcante para a época, que ainda receberia alterações estéticas nos modelos 1974 e 1978. Em relação a primeira geração, o Camaro foi fortemente remodelado, ficando maior e com um novo estilo. O esportivo ainda era vendido em três diferentes versões, a RS, SS e Z28. Mas esta última foi descontinuada com o ápice da crise do petróleo, no final de 1974, mas voltou com força total, em 1977. A segunda geração do Camaro estreou, em 1980, um novo motor: o V6 de 3.8 litros, em substituição ao de seis em linha, de 4.1 litros.

Em janeiro de 1982, a Chevrolet apresentava a terceira geração do Camaro. Mais um vez totalmente remodelada, com linhas mais quadradas e futuristas, ela inaugurava também a era dos motores com injeção eletrônica de combustível. Além de mais moderno, o Camaro também passou por um bom regime: ele estava 227 quilos mais leve que o modelo anterior.

A maior novidade, no entanto, foi a versão IROC-Z, lançada em 1985. Era uma versão do Camaro inspirada nos modelos de corrida que disputaram a International Racing of Champions. A versão tinha suspensão aprimorada, barras estabilizadoras mais espessas e um sistema de injeção eletrônica baseado no do Corvette. As rodas eram de 16 polegadas e os pneus – também utilizados no Corvette – eram na medida 245/50VR16. O IROC-Z foi produzido até 1990, ano em que a categoria passou a utilizar outro modelo.

O ano de 1992 foi o último da terceira geração do Camaro. E também marcava o aniversário de 25 anos de modelo. Com isso, a GM produziu a "25th Anniversary Heritage Edition", com detalhes de aparência exclusivos. Além disso, todos os Camaros produzidos naquele ano receberam o emblema de "25th Anniversary" no painel de instrumentos.

A quarta geração começou a ser vendida em 1993. Ela manteve a mesma filosofia que o Camaro tem desde a sua primeira geração, lançada em 1967: um cupê com 4 lugares, de motor dianteiro e tração traseira. A quarta geração oferecia duas opções de motor V6 e três de motor V8. A novidade, além da adoção de linhas mais arredondadas, foi o lançamento da versão conversível, em 1994. O Camaro esteve em produção até 2002, marcando 35 anos de produção contínua.

Em 2006, a Chevrolet apresentou no Salão de Detroit, nos Estados Unidos, um aclamado concept car, batizado de Camaro. Seu sucesso foi tão grande que a marca anunciaria, meses depois, o início de sua produção, prevista para meados de 2008. Dois anos mais tarde, era apresentada a versão de produção do Camaro, que começou a ser comercializada no ano seguinte nos Estados Unidos e que hoje já está nos Estados Unidos, Canadá, México, América do Sul, América Central, Caribe, Oriente médio e no Japão. Além destes países, a Chevrolet tem planos de comercializar o Camaro na Europa, Rússia, Inglaterra, Coréia do Sul, China e Israel.

Camaro SS - Clipe

Combinação perfeita entre potência e esportividade

              Dirigir, ou melhor, pilotar o Camaro é algo prazeroso para qualquer apaixonado por automóvel. Disponibilizado no Brasil com o motor mais potente presente em sua linha, a versão SS apresenta motorização V8 de 6.2 litros, que tem bloco e cabeçotes feitos em alumínio e desenvolve 406 cv de potência a 5.900 rpm com impressionantes 56,7 kgfm de torque, a 4.200 rpm, números que o credenciam para um distinto clube que reúne esportivos como Corvette, Ferrari, Lamborghini e alguns modelos da Porsche. O Camaro acelera de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos e tem velocidade máxima limitada eletronicamente em 250 km/h.

Apesar de toda essa dinâmica, o comportamento do Camaro fica na mão do motorista, aliás, no pé. O ronco forte do V8 combina com seu desempenho. Aceleramos o muscle car no campo de provas da Cruz Alta, da General Motors em Indaiatuba (SP) e conferimos que a combinação entre potência e esportividade estão muito bem alinhadas para satisfazer o prazer do motorista. Facilmente alcançamos a marca de 170 km/h em uma curta reta disponibilizada no percurso. A velocidade máxima que é limitada eletronicamente fica em 250 km/h.

Além de toda a sua potência, o motor do Camaro oferece muita tecnologia. Seu motor é equipado com o AFM (Active Fuel Management) ou desligamento automático dos cilindros. Em velocidades de cruzeiro, como em uma viagem tranquila por uma estrada, o sistema de injeção desliga quatro cilindros, reduzindo o consumo de combustível – que pode ser aferido pelo computador de bordo – e aumentando significativamente a autonomia do esportivo.

Em conjunto com os mais de 400 cv de potência do Camaro, trabalha a transmissão sequencial/automática de seis velocidades, exclusiva da versão SS. Com ela, o motorista pode desfrutar do conforto da transmissão automática ou trocar as marchas conforme a sua necessidade, por meio de botões atrás do volante, permitindo que o condutor pilote da maneira mais esportiva possível: sem tirar as mãos da direção.

Mecânica Online®
Chevrolet Camaro SS
Mecânica Online®

“O câmbio sequencial, com opções de troca no volante, é uma unanimidade hoje. Praticamente todos os superesportivos e os carros de corrida utilizam esta tecnologia. É um item fundamental, para conseguir aliar em um único carro a agressividade de condução com mais de 400 cv de potência, ao conforto necessário para se rodar também nas grandes cidades”, afirma Ronaldo Znidarsis, diretor geral de Vendas e Marketing da General Motors do Brasil. 

Para pilotagens mais esportivas, além dos botões no volante, o Camaro oferece controles de estabilidade e de tração, ajudando o motorista no caso deste cometer algum excesso. O sistema atua em dois diferentes níveis. Pressionando-se o botão (localizado no console central) apenas uma vez, ele desabilita imediatamente o controle de tração. Pressionando ele novamente, o controle de estabilidade entra no modo “Stability Track”, mais dinâmico, permitindo uma condução mais pura e esportiva, sem tantas intervenções do sistema. Entretanto, ele não se desliga por completo, mantendo o alto nível de segurança exigido em um muscle car como o Camaro.

Ao contrário de seus concorrentes em outros mercados, o Chevrolet Camaro vem equipado com suspensões independentes nos dois eixos. Tanto na dianteira quanto na traseira, o Chevrolet utiliza suspensão do tipo Multilink, com barras estabilizadoras nos dois eixos, além de molas helicoidais e amortecedores. Além de já poder receber nossa gasolina (com adição de etanol), sua boa altura livre em relação ao solo, de 15,6 cm (um Chevrolet Agile tem 16,0 cm), lhe permite trafegar sem problemas por nossas ruas e estradas. Para assegurar a estabilidade superior, o Camaro vem equipado de série com rodas de alumínio de 20 polegadas – de tala 8’ na dianteira e 9’ na traseira. Calçando as rodas estão os pneus de medida 245/45 ZR20 na dianteira e 275/40 ZR20 na traseira.

O conjunto de rodas e pneus deixa à mostra os enormes discos de freios (com 35,5 cm de diâmetro e 3,2 cm de espessura na dianteira e 36,5 cm de diâmetro e 2,8 cm de espessura na traseira) e as pinças da Brembo – marca italiana reconhecida mundialmente por equipar carros de F1 – de seis pistões na dianteira e quatro na traseira.

Head-Up Display: tecnologia para o motorista

             Não basta ter apenas característica esportiva, é preciso o toque da tecnologia para garantir um modelo completo para seu motorista. E com o Camaro SS não poderia ser diferente. Ele chega equipado com o Head-Up Display (HUD), um sistema que projeta informações no para-brisa do veículo.

A ideia é a de que, em um veículo esportivo (o Corvette também oferece o equipamento), o motorista não desvie o olhar da estrada – por isso as informações ficam refletidas diretamente no para-brisa. O HUD nasceu em projetos militares que a GM executou para as forças armadas norte-americanas. Dentre as informações refletidas, o motorista pode visualizar a velocidade, a rotação do motor e a até a estação de rádio. O condutor ainda pode personalizar a altura e a intensidade das imagens.

Mecânica Online®
Head-Up Display

Entre os outros recursos oferecidos há também o sistema de entretenimento que inclui rádio com CD Changer para seis discos, MP3 Player, entrada auxiliar e entrada USB (no console central), além de um sistema premium de 245 watts, da Boston Acoustics que conta com nove alto-falantes. O Camaro também oferece travas elétricas das portas e vidros com acionamento do tipo "one touch" tanto para o motorista quanto para o passageiro.

Além disso, o Camaro conta com o PDIM (Portable Device Interface Module). Trata-se de um sistema que permite transmitir áudio de qualquer dispositivo que tenha Bluetooth para o sistema de áudio do carro, sem a necessidade de cabo.

Esportividade avança para dentro do Camaro

                 Desenhado para abrigar quatro passageiros, o habitáculo do Camaro consegue equilibrar design moderno, com inspiração em alguns elementos retrôs, e atenção máxima aos detalhes. O interior envolve o motorista, deixando claro que tudo foi feito pensando nele e no controle do carro.

Para começar, o volante de três raios é revestido em couro e conta com ajuste de altura e profundidade. Ele impressiona: primeiro pelo visual diferenciado, já que no centro ele estampa o nome do carro – ao invés do logo da Chevrolet. Segundo, pela “pegada” esportiva e por conter os comandos do rádio e do controlador automático de velocidade embutidos.

O painel de instrumentos é futurista. Os mostradores são em profundidade e envolvidos por duas molduras quadradas, que dão um toque de esportividade e requinte ao interior do Camaro. Eles têm a iluminação em Ice Blue, encontrada no Malibu e no Agile. No mostrador da esquerda, fica o velocímetro e o marcador de temperatura do motor. No centro está a tela de cristal líquido, com as informações do computador de bordo – com 7 funções - e, à direita, fica o conta-giros, com o indicador do nível de combustível. Na parte inferior do console central, ainda vão quatro outros marcadores em formato retangular, que medem a pressão e a temperatura do óleo, a voltagem da bateria e a temperatura do fluido da transmissão de marchas.

Mecânica Online®
Chevrolet Camaro SS

Os bancos do Camaro foram desenhados para oferecer o máximo de conforto e a segurança necessária para uma pilotagem mais esportiva. Na versão SS, eles são revestidos em couro e tem oito regulagens elétricas para o motorista e duas para o do passageiro, além de contar com aquecimento. Tudo de série.

Na hora da condução o motorista só terá mesmo que trabalhar um pouco mais na busca da melhor posição para dirigir. Ainda assim, a visibilidade é um item comprometido no Camaro em função da sua linha de cintura alta e ao mesmo tempo a baixa posição de dirigir. Feito isso, a sensação de velocidade ganha destaque e pisar com o ronco do V8 invadindo o interior do Camaro é satisfação pura.

Personalização

               Ter um esportivo como o Chevrolet Camaro na garagem é o sonho de muita gente. Imagine então, poder personalizar seu Camaro e deixá-lo ao seu gosto, único. Pensando nisso, a Chevrolet está trazendo ao Brasil uma linha de acessórios originais do Camaro, a fim de permitir a customização do esportivo, mantendo os níveis de qualidade encontrados no modelo de série.

Na primeira lista de acessórios oferecidos há sete itens: cobertura para o motor, dois tipos de faixa decorativa, tampa do tanque em aço escovado, grade frontal diferenciada, apliques estéticos para o interior e capa protetora

Nas cores amarela, vermelha e preta, a cobertura do motor dá um visual diferenciado coração V8, de 6,2 litros, que equipa a versão SS do esportivo.

Externamente, para diferenciar ainda mais as premiadas linhas do Camaro, a Chevrolet oferece dois tipos de faixas decorativas. O primeiro é um conjunto de quatro faixas (uma central, sobre o capô e a tampa traseira e outras duas na lateral) e em três diferentes cores: preta, cinza ou branca. O segundo tipo de faixa é bem mais conhecido pelos fãs do Camaro, trata-se de uma faixa dupla, nas cores preta, branca, prata ou cinza, que já estampou a carroceria do Bumblebee, um dos robôs da trilogia Transformers.

Além das faixas, o consumidor pode personalizar seu esportivo com uma nova grade frontal e também com uma tampa de combustível em aço escovado. E para manter a pintura do seu Camaro intacta quando estacionado, a Chevrolet oferece dois modelos de capas protetoras: uma cinza com faixas pretas e a vermelha, também com faixas pretas.

O interior, que já é um capítulo à parte no Camaro, ganhou ainda novos revestimentos de portas, como acessório, feitos em um material brilhante e colorido – são três opções de cores: amarela, branca ou prata. Além das portas, o revestimento feito em uma resina especial também decora o painel do Camaro, dando um toque diferenciado e ainda mais exclusivo ao interior.

Mecânica Online®
Chevrolet Camaro SS
Mecânica Online®
 
Mecânica Online®

Manutenção

               O Camaro chega ao mercado brasileiro com uma garantia de dois anos sem limite de quilometragem. Mas os benefícios vão muito além disso. O dono de um Camaro ganha também um pacote exclusivo de revisões. Na primeira, efetuada aos 10.000 km, além de não pagar a mão de obra referente ao serviço, ele também não arcará com os custos da troca de óleo, que envolvem 8 litros de lubrificante para carros de alto desempenho e também o elemento filtrante.

Na segunda revisão, efetuada aos 20.000 km, o benefício é ainda maior. Além de não arcar com os custos de mão de obra, o dono do Camaro não vai pagar pelos mesmos 8 litros de óleo lubrificante, pelo filtro de óleo, pelo filtro do ar-condicionado e também pelas palhetas do limpador de para-brisa. Na prática, o cliente terá, somando as duas revisões, uma economia de R$ 2.000, tanto em peças quanto em mão de obra.

"A chegada do Camaro coincide com o melhor momento de nossos resultados no pós vendas. Aumentamos cada vez mais o índice de satisfação de nossos clientes e também a qualidade de nossos serviços", afirma Isela Costantini, diretora geral de Pós-Venda da General Motors do Brasil.

Camaro - Entrevista com Marcos Munhoz

Ficha técnica - Chevrolet Camaro SS

RESUMO
Modelo:                       Chevrolet Camaro SS
   Carroceria / motorização:      Passageiro, “Coupe” , 4 passageiros, 2 portas, motorização dianteira, tração traseira
Construção:                          Carroceria em aço galvanizado nos painéis exteriores
Fabricação:                          Oshawa Plant, Ontário, Canadá
Principais competidores:             Ford Mustang GT, Dodge Challenger SR T8

MOTOR
Modelo:                       L99
Disposição:                          Dianteiro, longitudinal
Número de cilindros:                 V8
Cilindrada (cm3):                    6.162
Diâmetro e Curso (mm):        103.2 x 92
Válvulas:                            16 válvulas, duas válvulas por cilindro
Injeção eletrônica de combustível:   S.F.I. (Sequential Fuel Injection)
Taxa de compressão:                  10,87:1
Potência máxima
(SAE):                        406 cv a 5.900 rpm
Torque máximo
(SAE):                        56,7 kgfm a 4.600 rpm
Combustível recomendado:             Gasolina Premium
Rotação máxima do motor (rpm):       6.200 
Bateria:                      12V, 100 Ah
Alternador:                          150 Amp
Consumo NBR 7024 (km/l)
(Cidade/Estrada/Média)        6,9 / 10,8 /8,2

TRANSMISSÃO
Modelo:                       Sequencial/Automática de 6 velocidades

Relação de marchas:
Primeira:                  4.03:1
Segunda:                   2.36:1
Terceira:                  1.53:1
Quarta:                          1.15:1
Quinta:                          0.85:1
Sexta:                     0.67:1
Ré:                        3.06:1
Diferencial (eixo traseiro):         3,27:1                    

CHASSIS/SUSPENSÃO
Dianteira:                     Independente do tipo Multi-link 
Traseira:                      Independente do tipo Multi-link
Direção:                        Hidráulica
Direção redução (linear):       16.1:1           
Direção número de voltas             2,5
(batente a batente):         
Diâmetro de giro (m):           11,5      

FREIOS
Tipo:                          Discos ventilados dianteiros e traseiros, sistema de freios antibloqueante (ABS)
Diâmetro x espessura (mm):     Dianteiro: 355 x 32; Traseiro: 365 x 28

RODAS/PNEUS
Roda tamanho e tipo:          Dianteira – 20 x 8– Alumínio
                              Traseira – 20 x 9 – Alumínio
Pneus:                         Dianteiro - 245/45ZR20
                               Traseiro    - 275/40ZR20

DIMENSÕES/PESOS
Distância entre eixos (mm):          2.852
Comprimento total (mm):              4.836
Largura carroceria (mm):             1.918
Largura total s/ espelhos (mm):             2.089              
Altura (mm):                         1.377
Bitola (mm):                         Dianteira: 1.618; traseira: 1.628
Altura mínima do solo (mm):          156,5
Ângulo de ataque:                    15o
Ângulo de saída:              19º
Peso em ordem de marcha (kg):               1.790
 Distribuição de peso
(% dianteira/traseira):              52/48             
                             
CAPACIDADES
Porta-malas (litros):                320
Carga útil (kg):             332
Tanque de combustível (litros):             71

DESEMPENHO
Velocidade máxima (km/h):      250 (limitada eletronicamente)
Aceleração 0 a 100 km/h (s): 4,8


Plantão de notícias - Seu Veículo

  Ford Fusion inspira exposição de arte nos Estados Unidos

  Ano Novo, Carro Novo? Saiba dicas na hora de escolher o automóvel

  Na Europa, Ford B-Max é finalista no Prêmio de Carro do Ano 2013

  Ford conquista prêmio de inovação no relacionamento com o cliente

  Marca de lubrificantes Mobil lança promoção valendo Toyota

  Recall: motocicletas Triumph

Veja mais...
Veja todas as notícias publicadas nessa seção

Mecânica Online® capa principal Expediente Mecânica Online® imprimir página Favorito Mecânica Online® Fale com a Mecânica Online®